Pra quem gosta de música alternativa esta opção é duca! O nome dela é Yael Naim, nascida na França mas criada em Israel, a Yael faz um tipo de música bem diferente das que rolam por aí no mainstream. Numa mistura de inglês, francês e hebraico, ela consegue através de uns arranjos bem legais fazer uma trilha sonora excelente, pra quem por exemplo, pega um trânsito na marginal Tietê. Desde uma tradicional valsinha francesa, até um cover da Britney!!! Claro que só podia ser da música Toxic né! O trabalho segue uma linha bem tô-relax-e-não-adianta-que-você-não-vai-me-tirar-do-sério! Outra coisa legal é que a maioria das composições é da própria Yael.

Também me chamaram a atenção as fotos do encarte, de um puta bom gosto, claro que seguindo o mais puro estilo riponga! Digo riponga, porque tem música que começa com ela tocando uma caixinha de música por exemplo! Tá bom? Se curtir, ela tem mais outros 3 discos. Mesmo assim recomendo, vale a pena.